Resumo dos samba-rock

terça-feira, 25 de outubro de 2016

SE O CAMINHO É MEU - DONA IVONE LARA

SE O CAMINHO É MEU - DONA IVONE LARA

Esta é pra rapaziada que está aí descobrindo os seus caminhos
O caminho é livre
Se o caminho é meu
Deixa eu caminhar, deixa eu
Se o caminho é meu, é meu
Deixa eu caminhar, deixa eu
Se o caminho é meu
Deixa eu caminhar, deixa eu
Se o caminho é meu
Deixa eu caminhar, deixa eu
Se o caminho for de pedras
Sou eu que vou tropeçar
Se o caminho for de agruras
Eu que vou me amargurar
Se o caminho for de espinho
Sou que vou me espetar
Se o caminho for de rosas
Eu que vou me perfumar
Se o caminho é meu
Se o caminho é meu, é meu
Deixa eu caminhar, deixa eu
Se o caminho é meu, é meu
Deixa eu caminhar, deixa eu
Se o caminho é meu, é meu
Deixa eu caminhar, deixa eu
Se o caminho é meu, é meu
Deixa eu caminhar, deixa eu
Já que o caminho é traçado
Idealizado eu terei que seguir
Mesmo sofrendo influências só ter paciência que eu vou conseguir
E nos meus sonhos da vida conservo a esperança de um dia sorrir
Sei que é meu caminho embora sozinho eu terei que seguir
se o caminho é meu
Se o caminho é meu, é meu
Deixa eu caminhar, deixa eu
Se o caminho é meu
Eu já disse a você que o caminho é meu
Deixa eu caminhar, deixa eu
Se o caminho é meu
Deixa eu caminhar, deixa eu
Se o caminho é meu
Deixa eu caminhar, deixa eu
Se o caminho for de pedras
Sou eu que vou tropeçar
Se o caminho for de agruras
Eu que vou me amargurar
Se o caminho for de espinho
Sou que vou me espetar
Se o caminho for de rosas
Eu que vou me perfumar
Se o caminho é meu
Se o caminho é meu, e é meu
Deixa eu caminhar, deixa eu
Se o caminho é meu, é meu
Deixa eu caminhar, deixa eu
Se o caminho é meu
Deixa eu caminhar, deixa eu
Se o caminho é meu, é meu
Deixa eu caminhar, deixa eu
Se o caminho é meu
Deixa eu caminhar, deixa eu
Se o caminho é meu, é meu
Deixa eu caminhar, deixa eu
Se o caminho é meu, é meu
Deixa eu caminhar, deixa eu
Se o caminho é meu
Deixa eu caminhar, deixa eu
Se o caminho é meu, é meu...

letrasdesambarock.blogspot.com.br

sexta-feira, 21 de outubro de 2016

VAI PRO LADO DE LÁ - CANDEIA

VAI PRO LADO DE LÁ - CANDEIA
 
Vai pro lado de lá
Vai pro lado de lá
Vai pro lado de lá, vai sambar
Me leva pro lado de lá
Vai pro lado de lá
Vai pro lado de lá
Vai pro lado de lá
Vai pro lado de lá, vai sambar
Me leva pro lado de lá
Pro lado de lá
Vai pro lado de lá
Vai pro lado de lá
Vai pro lado de lá, vai sambar
Me leva pro lado de lá
Segunda-feira, terça-feira, quarta-feira, quinta-feira, sexta-feira, sábado de aleluia
Se eu pegar na viola, meu bem
O pagode continua
Pro lado de lá
Vai pro lado de lá
Vai pro lado de lá
Vai pro lado de lá, vai sambar
Me leva pro lado de lá
Pro lado de lá
Vai pro lado de lá
Vai pro lado de lá
Vai pro lado de lá, vai sambar
Me leva pro lado de lá
Vai pro lado de lá
Vai pro lado de lá
Vai pro lado de lá
Vai pro lado de lá, vai sambar
Me leva pro lado de lá
Tem caruru e tem quiabo e tem galinha, batata com dobradinha, mungunzá e vatapá
Tem água doce, água quente, água fria, aguardente com farinha e as águas vão rolar
Vai pro lado de lá
Vai pro lado de lá
Vai pro lado de lá
Vai pro lado de lá, vai sambar
Me leva pro lado de lá
Vai pro lado de lá
Vai pro lado de lá
Vai pro lado de lá
Vai pro lado de lá, vai sambar
Me leva pro lado de lá
Pro lado de lá
Vai pro lado de lá
Vai pro lado de lá
Vai pro lado de lá, vai sambar
Me leva pro lado de lá
Vai o Cartola, vai Paulinho da Viola, vai o Martinho da Vila, Aniceto e o Darcy
Vai o Xangô, vai Padeirinho e Joãozinho, eu também sou partideiro, eu também tenho que ir
Vai pro lado de lá
Vai pro lado de lá
Vai pro lado de lá
Vai pro lado de lá, vai sambar
Me leva pro lado de lá
Pro lado de lá
Vai pro lado de lá
Vai pro lado de lá
Vai pro lado de lá, vai sambar
Me leva pro lado de lá
Pro lado de lá
Vai pro lado de lá
Vai pro lado de lá
Vai pro lado de lá, vai sambar
Me leva pro lado de lá
Pro lado de lá
Vai pro lado de lá
Vai pro lado de lá
Vai pro lado de lá, vai sambar
Me leva pro lado de lá

letrasdesambarock.blogspot.com.br

BAHIA BERÇO DO BRASIL - JORGE BEN JOR

BAHIA BERÇO DO BRASIL - JORGE BEN JOR

Bahia
Ê Bahia
Bahia de São Salvador
Ê Bahia
Bahia de São Salvador
Terra dos capoeiras
Do famoso candomblé
Tem a festa da Ribeira
A festa do lava-pé
Salve Senhor do Bonfim que os baianos tem muita fé
Tem a festa da Ribeira
A festa do lava-pé
Salve Senhor do Bonfim que os baianos tem muita fé
Bahia, Bahia
Ê Bahia
Bahia de São Salvador
Ê Bahia
Bahia de São Salvador
Glória
À heroína Maria Quitéria
Mulher de grande valor
Lutou pela liberdade
E contra o terrível preconceito
Bahia, berço do Brasil
Terra de São Salvador
Que o mundo inteiro encantou
Bahia, berço do Brasil
Terra de São Salvador
Que o mundo inteiro encantou
Bahia
Ê Bahia
Bahia de São Salvador
Ê Bahia
Bahia de São Salvador
Terra dos capoeira
Do famoso candomblé
Tem a festa da Ribeira
A festa do lava-pé
Salve Senhor do Bonfim que os baianos tem muita fé
Tem a festa da Ribeira
A festa do lava-pé
Salve Senhor do Bonfim que os baianos tem muita fé
Ê Ba-hi-a
Ê Bahia
Bahia de São Salvador
Ê Bahia
Bahia de São Salvador
Glória
À heroína Maria Quitéria
Mulher de grande valor
Lutou pela liberdade
E contra o terrível preconceito
Bahia, berço do Brasil
Terra de São Salvador
Que o mundo inteiro encantou
Bahia, berço do Brasil
Terra de São Salvador
Que o mundo inteiro encantou
Ê Bahia
Bahia
Bahia de São Salvador
Bahia
Ê Bahia
Bahia
Bahia de São Salvador
Bahia de São Salvador
Ê Bahia
Bahia
Bahia de São Salvador
De São Salvador
Ê Bahia
Bahia de São Salvador
Ê Bahia
Bahia de São Salvador

letrasdesambarock.blogstpot.com.br

quarta-feira, 19 de outubro de 2016

ROÇA ERRADA - ANTONIO CARLOS & JOCAFI

ROÇA ERRADA - ANTONIO CARLOS & JOCAFI
 
Esse mundo tá mal dividido
Uns com tanto, outros sem nada
Ah, meu Deus,
Como chove em roça errada, eu falei
Ai, meu Deus,
Como chove em roça errada
Outra vez
Ai, meu Deus,
Como chove em roça errada
Ai, meu Deus,
Como chove em roça errada
Ai, meu Deus,
Como chove em roça errada
Ai, meu Deus,
Como chove em roça errada
Ai, meu Deus,
Como chove em roça errada
Ai, meu Deus,
Como chove em roça errada
Ai, meu Deus,
Como chove em roça errada
Ai, meu Deus,
Como chove em roça errada
Ai, meu Deus,
Como chove em roça errada
Ai, meu Deus,
Como chove em roça errada
Ai, meu Deus,
Como chove em roça errada
Uns viajam de iate
Outros só vão de jangada
Uns moram no palacete
Outros não têm nem morada
Ai, meu Deus,
Como chove em roça errada
Ai, meu Deus,
Como chove em roça errada
Uns não têm o boi do dia
Outros têm uma boiada
Uma boca come muito
Outra boca come nada
Ai, meu Deus,
Como chove em roça errada
Ai, meu Deus,
Como chove em roça errada
Uns levando boa vida
Outros vida apertada
Uma classe com dinheiro
Outra classe endividada 
Ai, meu Deus,
Como chove em roça errada
Ai, meu Deus,
Como chove em roça errada
Ai, meu Deus,
Como chove em roça errada
...
Ai, meu Deus,
Como chove em roça errada
Ai, meu Deus,
Como chove em roça errada
Ai, meu Deus,
Como chove em roça errada
Ai, meu Deus,
Como chove em roça errada


Letrasdesambarock.blogspot.com.br

LARGO DO ESTÁCIO – OS PAGODEIROS DO LARGO DO ESTÁCIO

LARGO DO ESTÁCIO – OS PAGODEIROS DO LARGO DO ESTÁCIO

No Largo do Estácio eu fiz este samba
No meio de malandros na roda de bamba
Aonde a alegria expulsou a tristeza do meu coração
No Largo do Estácio eu fico contente
No Largo do Estácio eu me sinto mais gente
E a felicidade do Largo do Estácio já é tradição
Quando eu quero vadiar
Eu vou para o Largo do Estácio de Sá sambar
Quando eu quero vadiar
Eu vou para o Largo do Estácio de Sá
No Largo do Estácio eu fiz este samba
No meio de malandros na roda de bamba
Aonde a alegria expulsou a tristeza do meu coração
No Largo do Estácio eu fico contente
No Largo do Estácio eu me sinto mais gente
E a felicidade do Largo do Estácio já é tradição
Quando eu quero vadiar
Eu vou para o Largo do Estácio de Sá sambar
Quando eu quero vadiar
Eu vou para o Largo do Estácio de Sá
Quando eu quero vadiar
Eu vou para o Largo do Estácio de Sá sambar
Quando eu quero vadiar
Eu vou para o Largo do Estácio de Sá


Letrasdesasmbarock.blogspot.com.br

sábado, 15 de outubro de 2016

TEREZA RAQUEL - CRAVO E CANELA

TEREZA RAQUEL - CRAVO E CANELA

Como um bom malandro
Tenho uma Tereza também
Rainha da escola de samba
Filha de umbanda
Guerreira mulher
Prendada, caprichosa
Sensual, vaidosa
Que me traz axé
Fizemos planos de casar ano que vem
Já escolhemos nomes pro nosso neném
Fizemos planos de casar ano que vem
Já escolhemos nomes pro nosso neném
E a lua doce
Cheinha de mel
Vai ser no interior
Com muito amor
Tereza Ra...
Tereza Raquel
Tereza Raquel
Tereza Raquel
Tereza Raquel
Tereza Raquel
O nome dela é Tereza Raquel
Terezinha
Tereza Raquel
Tereza Raquel
Tereza Raquel
Tereza Raquel
Tereza Raquel
O nome dela é Tereza Raquel
Como um bom malandro
Tenho uma Tereza também
Rainha da escola de samba
Filha de umbanda
Guerreira mulher
Prendada, caprichosa
Sensual, vaidosa
Que me traz axé
Fizemos planos de casar ano que vem
Já escolhemos nomes pro nosso neném
Fizemos planos de casar ano que vem
Já escolhemos nomes pro nosso neném
E a lua doce
Cheinha de mel
Vai ser no interior
Com muito amor
Tereza Ra...
Tereza Raquel
Tereza Raquel
Tereza Raquel
Tereza Raquel
Tereza Raquel
O nome dela é Tereza Raquel
Terezinha
Tereza Raquel
Tereza Raquel
Tereza Raquel
Tereza Raquel
Tereza Raquel
O nome dela é Tereza Raquel
Terezinha


Letrasdesambarock.blogspot.com.br

QUEM FALTAVA CHEGAR - CHOCOLATTE


Alô, gente!
Eu sou o Dida, hein?!
Vou mandar um pagode que nasceu numa tremenda feijoada na casa do compadre Everaldo!
Quem faltava chegar
Chegou
Ô, ô, ô!
Agora o samba pode começar
Quem tá de dentro não pode sair, sair,
Quem tá de fora não pode entrar
Chegou quem faltava chegar
Quem faltava chegar
Aí!
Chegou
Que beleza, gente!
Ô, ô, ô!
Segura!
Agora o samba pode começar
O pagode vai até amanhã!
Quem está de dentro não pode sair, sair,
Quem está de fora não pode entrar
Comigo, agora!
Faltava chegar
A viola
Diz!
Já chegou
Faltava chegar
O pandeiro
Já chegou
Faltava chegar
O luar
Já chegou
Pra clarear o terreiro
Faltava a cabrocha mexendo as cadeiras
Já chegou
Faltava o cavaco pra centralizar
Já chegou
Agora não falta mais nada
Tem muito limão para a rapaziada
O pagode pode começar
Chegou quem faltava chegar
Quem faltava chegar
Aí!
Chegou
A galera!
Todo mundo!
Ô, ô, ô!
Agora o samba pode começar
Segura, gente!
Quem está de dentro não pode sair, sair,
Que pagode bom!
Quem está de fora não pode entrar
Chegou quem faltava chegar
Quem faltava chegar
Todo mundo!
Chegou
Ô, ô, ô!
Agora o samba pode começar
Quem está de dentro não pode sair, sair,
Quem está de fora não pode entrar
Vou dizer!
Faltava chegar a viola
Já chegou
Faltava chegar o pandeiro
Já chegou
Faltava chegar
O luar
Já chegou
Pra clarear o terreiro
Faltava a cabrocha mexendo as cadeiras
Já chegou
Faltava o cavaco pra centralizar
Já chegou
E agora não falta mais nada
Tem muito limão para a rapaziada
O pagode pode começar
Comigo!
Faltava chegar a viola
Já chegou
Faltava chegar o pandeiro
Já chegou
Faltava chegar
O luar
Já chegou
Ih! pra clarear o terreiro
Faltava a cabrocha mexendo as cadeiras
Já chegou
Faltava o cavaco pra centralizar
Já chegou
E agora não falta mais nada
Tem muito limão para a rapaziada
O pagode pode começar


Letrasdesambarock.blogspot.com.br